Cidade

A invasão dos Food Trucks

vilabuzina5-jpg

Quem nunca comeu em uma barraquinhas de cachorro quente no final da balada? Ou um lanche de pernil na saída de algum estádio após algum clássico de futebol? Uma pipoca do “tio” que a vendia num carrinho de madeira na porta da escola? E ainda os mini carrinhos que vendiam algodão doce e maça do amor no parques da cidade?

Que delícia né? Tudo isso sempre existiu na cidade como parte de um movimento clandestino, pois a legislação não permitia a venda de comida em veículos nas ruas da capital. Mas esse cenário começou a mudar em meados de  2013 com a alteração da LEI  No 15947, que agora permite a venda de alimentos em ambientes públicos, desde que que os veículos sejam adaptados para esse tipo de comércio.

food-truck_2_180714

Muito comum de serem vistos pelas ruas dos EUA e da Europa (inclusive em alguns filmes), os caminhões estilizados que vendem comida, conhecidos como foodtrucks, chegaram em Sampa para ficar e a sua  proposta de oferecer comida de qualidade com um valor acessível está ajudando a aumentar número de chefes e de empreendedores independentes na cidade.

Para atrair cada vez mais fãs, além do preço, a variedade e a inovação são um ponto chave. Alguns cozinheiros utilizam de receitas antigas da família, outros resolveram inovar os pratos comuns e outros criaram sua própria receita e não a revelam para ninguém.

food-truck

A variedade é tanta que as vezes é difícil escolher o que comer, são pratos que vão desde comida mexicana à tapas, macarrão, hambúrgueres, saladas, risotos, crepes, sorvete e muito mais.

Butantan Food Park
Butantan Food Park

Consequência disso a capital paulista também aderiu aos Food Parks, que reúnem vários trailers de comida para uma deliciosa festa gastronômica que agrada a todos o s públicos. Em SP temos os já consagrados “Butantã Food Park” e o “Marechal Food Park”. Além de claro, as feirinhas gastronômicas como o “Panela na Rua” e o “Benê Food des Arts”. Geralmente os seus valores são fixos e variam de R$10, R$20 ou R$25 por refeição.

Benê Food Des Arts no Minhocão
Benê Food Des Arts no Minhocão

Não se assuste se por um acaso encontrar com um Food Bike. Sim, eles também estão virando uma tendência forte por aqui. Por serem mais leves e pela facilidade de locomoção é possível encontrar neles pequenas delicias como brigadeiros dos mais diversos sabores, sonhos artesanais, bebidas frescas, gelinhos (ou sacolé, ou geladinho) e por ai vai.

foodbike

Hoje os foods estão por toda a cidade e viraram um ótimo programa de final de semana. Mas fique atento, muitos deles não possuem um local fixo e você precisa acompanhar a sua página no Facebook para saber quando ele estará pertinho de você.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *